DICA DE EMPREENDEDORISMO: MOSTRE A SUA CARA!


Adriana Marinho

Todo mundo já sabe que o empreendedorismo não é fácil. Precisamos nos ariscar, ousar e inovar para não deixar o nosso negócio morrer. Em tempos de pandemia, com tantas restrições e no auge da crise, não é difícil encontrar pessoas que estão vendo o seu trabalho desmoronar. Mas eu tenho uma dica importante para você não se render à crise: mostre a sua cara no universo on-line!


Os tempos mudaram, as tecnologias vieram para ficar e há muito tempo nos convidam a reinventar o nosso modo de trabalho. Alguns negócios já haviam se adaptado antes mesmo da crise de 2020 chegar, mas atividades mais tradicionais, produzidas de modo artesanal, tiveram dificuldade de inovar sem perder a sua essência.


Esse é o caso das pessoas que têm um pequeno negócio, que trabalham com a produção de artesanato, confecção de roupas ou bijuterias, comida caseira, serviços de cabeleireiro, manicure, etc. Geralmente o público-alvo desses ramos é bem definido, são consumidores fiéis, que procuram os serviços e produtos que já conhecem. Porém, com as restrições impostas pela pandemia, a maior parte do comércio passou a ser on-line.


Mas como levar esses serviços para o universo on-line? É simples! Vá para as suas redes sociais e mostre a sua cara! Os consumidores não abrem mão de determinados produtos. Se seus clientes não podem ir até você, você deve ir até eles. Eles estão on-line o tempo todo, pesquisando, procurando os produtos que têm interesse, fazendo encomendas e comprando.


Há muitas formas gratuitas de se apresentar ao público on-line: criar uma página no Facebook, no Instagran, montar um blog ou mesmo criar um site. Se faltar habilidade com o computador, tente usar o celular mesmo; baixe aplicativos, pesquise tutoriais no YouTube, encontre vídeos e descubra como fazer. Na sua página, fale sobre você, conte a sua história, a sua relação com o trabalho ou produto que oferece, demonstre amor pelo que faz e mostre também o melhor do faz.


Prepare-se para levar o seu produto até os clientes, pesquise sobre delivery ou monte um esquema para você mesma fazer as suas entregas. Se você é uma prestadora de serviços e não tem produto físico para vender, faça vídeos demonstrando o seu trabalho e venda o que você sabe fazer, seja ensinando alguém a fazer a própria make, técnicas para unha de gel, ou ensinando a preparar refeições saudáveis.


Seja criativa e use a internet a seu favor. Aprenda com quem já faz e depois faça do seu jeito. Mostre a sua cara, mostre o seu produto, crie laços afetivos com os seus clientes, isso também é possível pela internet. Siga essas dicas e não deixe o seu negócio se perder na crise. Acesse também o meu site e o meu blog para ficar por dentro de outras dicas para mulheres empreendedoras. Vem comigo!



Redação: Intertexto

3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo