Empreendedorismo remoto

Atualizado: 11 de jun. de 2020

Por Adriana Marinho

O sucesso de empresas de pequeno e médio porte está na constante actualização dos seus serviços às demandas do mercado. É o cenário económico que determina quais as novas metas, as estratégias e os esforços a serem praticados. Empresários dispostos a inovar estão mais propensos a alcançar destaque para os seus negócios e consolidar a

sua marca, por isso, é preciso estar-se atento às novidades que o mercado oferece.


A noção de livre mercado decorrente das práticas capitalistas favoreceu o empreendedorismo ao redor do mundo, de modo que indivíduos tornaram-se capazes de idealizar, realizar e activar o seu próprio negócio. O empreendedor possui espírito inovador, tem o desejo oferecer ao público produtos e serviços originais e eficientes, que promovem a satisfação dos clientes, qualquer que seja o sector de actuação.


É nesta conjuntura que surge o empreendedorismo remoto, um conjunto de atividades que são oferecidas a empresários de diferentes sectores com o propósito de auxiliá-los em seus negócios e contribuir para o seu sucesso no mercado.

Os profissionais que actuam com gerenciamento remoto desempenham uma variedade

e tarefas cujo objectivo é auxiliar empresários e outros empreendedores nas atividades

burocráticas relativas ao seu negócio. Os serviços técnicos oferecidos correspondem à demanda do cliente e abrangem atividades administrativas, comerciais, financeiras e de

secretariado, além de organização de eventos e assistência pessoal. Com ferramentas próprias e adequadas a cada tipo de trabalho, o assistente virtual presta serviços de qualidade a pequenas e médias empresas, a gerar confiança e a concorrer para o êxito de seus clientes.


Há várias vantagens em contratar-se os serviços de gerenciamento remoto. Entre os

pontos positivos, está o facto de esse tipo de serviço não gerar vínculo empregatício e

encargos trabalhistas, pois pode-se contratar apenas as horas de trabalho necessárias.


O profissional de assistência remota é capacitado em suas funções e trabalha em seu próprio escritório, o que reduz a despesa do empresário com a estrutura e os equipamentos de trabalho. Ao delegar as tarefas burocráticas a uma empresa de gerenciamento remoto, o empresário pode dedicar-se apenas ao seu trabalho e deixar os afazeres de rotina, que demandam investimento de tempo e de pessoal, a cargo de seu assistente virtual.


Para conhecer mais sobre os serviços de gerenciamento remoto, siga AM Assessoria e

Gerenciamento Remoto nas redes sociais.

36 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo