VOCÊ SABE QUEM VOCÊ É?

Adriana Marinho


Esta é uma pergunta que parece fácil de responder, mas não é. Passamos a vida inteira buscando afirmar para os outros quem nós somos, ou pelo menos quem gostaríamos de ser. As experiências que vamos acumulando ao longo dos anos se juntam aos nossos desejos, ambições e afinidades, e temos que fazer isso tudo caber dentro da nossa personalidade.


Por mais que seja difícil admitir, somos influenciáveis, tanto é que podemos mudar o curso do nosso caminho várias vezes durante a vida. Em determinado momento temos convicção de alguma coisa; em outro momento aquela mesma coisa muda de forma e o que era uma convicção percebemos que não ia além de uma ideia passageira. É fundamental saber quem você é para não deixar se levar por vãs influências.


Como então é possível se firmar e afirmar quem você é?

No empreendedorismo é fundamental ter a consciência de quem você é. Para ter essa certeza, a coisa mais importante é conhecer a si mesmo. Apesar da correria do dia a dia, da nuvem de preocupações e das centenas de providências a tomar, é preciso dar uma pausa de tempos em tempos e olhar para dentro de si. Precisamos compreender quais são as nossas qualidades, os medos, os anseios, os defeitos e as limitações; entender a origem dos nossos sentimentos, sejam bons ou ruis; descobrir quais são realmente os nossos sonhos e medir o quanto estamos dispostos a nos mobilizar para realizá-los.


Nada disso é tarefa fácil. Essa reflexão pode gerar angústia se não for feita de modo bem consciente, mas, por outro lado, pode nos abrir os olhos e nos levar a assumir quem realmente somos. Muitas vezes é necessário que uma pessoa nos ajude, um profissional que seja capaz de segurar a nossa mão e nos conduzir em direção à descoberta de nós mesmos. Precisamos estar abertos para ir ao encontro de nós mesmos.


A partir do momento que você entende qual é a sua essência, você tem a consciência de quem realmente é. Isso te leva a colocar os pés no chão e se firmar em qualquer situação na sua vida, seja no trabalho, na família ou na sociedade. Essa consciência te permite dominar seus sentimentos, seus pensamentos, e te leva a viver uma vida mais real e objetiva. Assim, traçar suas metas e definir os caminhos para atingi-las se torna algo mais natural e seguro. Sabendo quem você realmente é, você pode determinar quase tudo na sua vida. E a parte que você não pode determinar, cabe a Deus.


Redação: Intertexto

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo